Silvio e Maia discutem criação de Comissão Especial para debater Pacto Federativo

FOTO DIVULGAÇÃO

Com objetivo de fortalecer a pauta dos municípios, o deputado Silvio Costa Filho (Republicanos – PE), presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Novo Pacto Federativo, se reuniu com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, o presidente da Confederação Nacional de Municípios, Glademir Aroldi, além de parlamentares e representantes de associações municipalistas, nesta quarta-feira (20).

Na pauta, a agenda legislativa dos municípios, em tramitação no Congresso Nacional. Durante o encontro, Maia se comprometeu em pautar o projeto que aumenta em 1% o Fundo de Participação dos Municípios (FPM), e a Lei do ISS, que dispõe sobre o padrão nacional de obrigação acessória do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza, além de criar uma Comissão Especial para discutir o Novo Pacto Federativo, ao lado do Senado Federal.

Desde que assumiu o mandato de deputado federal, Silvio tem trabalhado em defesa da pauta municipalista e na defesa da retomada do crescimento econômico. “Ao longo do ano já votamos propostas importantes para o fortalecimento dos estados e municípios, a exemplo da Lei de Licitações, da Cessão Onerosa, da PEC 48, entre outros projetos. Todos vão na direção do crescimento econômico de estados e municípios. Não tenho dúvida que vamos continuar avançando na pauta municipalista, ao lado do presidente Rodrigo Maia, da CNM, da FNP, dos parlamentares, além da sociedade civil organizada”, destacou o parlamentar.

Além da reunião com Maia, Silvio participou de um almoço com senadores e deputados integrantes da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Novo Pacto Federativo nesta quarta-feira (20), o presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Glademir Aroldi, anunciou que a parte do leilão da cessão onerosa do pré-sal, cerca de R$ 5 bilhões, será liberada no dia 27 de dezembro para estados e municípios de todo país. Segundo ele, as cotas que cabem aos estados e municípios, depositada no dia 27, estarão disponíveis no dia 30 de dezembro.

O Congresso Nacional aprovou pautas que compõem a pauta prioritária do movimento municipalista, nesta semana. A Câmara aprovou, em dois turnos de votação, a PEC do Senado 48/2019, que permite transferência direta de emendas parlamentares a estados, Distrito Federal e municípios sem vinculação a finalidade específica. “Estamos avançando, cada vez mais, na pauta do Novo Pacto Federativo. A aprovação da PEC 48 dialoga com a agenda menos Brasília e mais Brasil e vai desburocratizar, dar mais celeridade na execução de emendas para os estados e municípios. Com isso, os prefeitos vão prover, de forma mais célere, os programas sociais e os investimentos em infraestrutura para a geração de emprego e renda”, pontuou.

Texto: Ascom do deputado Silvio Costa Filho
Foto: Divulgação

 

 

Comentário(s)

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.