Com apoio da bancada do Republicanos, R$ 9 bilhões de fundo extinto serão destinados ao combate à COVID-19

WhatsApp Image 2020-05-12 at 14.19.29Durante sessão remota do Plenário da Câmara dos Deputados, foi aprovada a Medida Provisória 909/19, que destina toda a verba restante do fundo da Reserva Monetária do Banco Central para ações de combate ao novo coronavírus.

O deputado Lafayette de Andrada (Republicanos-MG) encaminhou o voto favorável do partido à matéria. “Neste momento, achamos que é absolutamente justo e oportuno utilizarmos esses recursos para ações contra a COVID-19”, afirmou.

Com saldo de R$ 9 bilhões, a Reserva Monetária do Banco Central foi criada em 1966 com o objetivo de prover à instituição uma fonte de recursos para atuar nos mercados de câmbio e de títulos. No entanto, em 1988, foi extinta. “Temos que lembrar que se trata de um recurso que ‘sobrou’ e está paralisado no Tesouro Nacional. A iniciativa veio em boa hora, de acordo com o que o Brasil precisa agora”, explicou o republicano.

O texto, que inicialmente destinava esse valor ao pagamento da dívida pública federal, foi aprovado e segue para análise do Senado Federal, onde precisa ser votado até o dia 18 de maio, ou perderá a vigência.

Lafyatte aproveitou a ocasião para homenagear o Dia da Enfermagem. “É importante fazer um registro aos trabalhadores que nesse momento estão sendo os heróis do Brasil, juntamente com todo o corpo de saúde”, finalizou.

Texto:Fernanda Cunha com edição de Mônica Donato (Ascom da Liderança do Republicanos)

 

Comentário(s)

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.